Cestos de lixo podem obstruir rotas de fuga em condomínios

VOLTAR    |   JANEIRO    |   TODAS

A prática de colocar cestos de lixo nos andares dos condomínios pode atrapalhar rotas de fuga de incêndio. Moradores acabam priorizando a comodidade de ter uma lixeira por perto e esquecem que a obstrução de caminhos de evacuação de ambientes é uma das principais proibições da legislação de proteção contra incêndios em edifícios.

Além da comodidade, a lei também é ignorada por vários outros fatores: falta de conhecimento, crença remota no risco de incêndio ou, ainda, baixa frequência de fiscalizações do Corpo de Bombeiros em prédios residenciais.

Para o superintendente do Instituto Seguridade e Capacitação da Vila Velha, Antônio Fahl, a irregularidade nos prédios não é difícil de ser encontrada.  “Basta analisar a existência de riscos na ocorrência de um eventual incêndio, onde as pessoas durante uma evacuação esbarrem ou tropecem nos cestos deixados na rota de saída. Nesse contexto estão inseridos componentes como: aglomeração, pânico, visão reduzida pela fumaça e energia desligada”, afirma.

Uma das soluções para esse problema é dedicar um funcionário a tarefa de fazer coleta diariamente nas unidades e disponibilizar para os ausentes, um local apropriado para depósito dos sacos de lixo. Não é raro encontrar prédios que retiram provisoriamente as lixeiras das escadarias para a vistoria do Corpo de Bombeiros, mas o que poucas pessoas sabem é que em caso de incêndio, as obrigações civis e criminais podem ser de responsabilidade do síndico.

VOLTAR    |   JANEIRO    |   TODAS

Um comentário em “Cestos de lixo podem obstruir rotas de fuga em condomínios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s